AGENDA

8º FÓRUM MUNDIAL DA ÁGUA

voltar para o site

AGENDA

8º FÓRUM MUNDIAL DA ÁGUA

voltar para o site

Água e Migrações

Segunda DAS 16:30 ÀS 18:00

TEMAS

CAPACITAÇÃO

LOCAL

Sala 34

DESCRIÇÃO

[HLP 14]

A migração é um processo universal e comum e está vinculada ao desenvolvimento de múltiplas formas.
Quando integrados em estruturas mais amplas, especialmente no planejamento do desenvolvimento, a migração pode beneficiar
as comunidades em origem e destino. Os migrantes podem e efetivamente sustentam suas comunidades de origem
por meio de remessas, bem como dos conhecimentos e habilidades que adquirem no processo, contribuindo para
o desenvolvimento das comunidades que os acolheram. Migração segura, ordenada e regular pode contribuir para o desenvolvimento da agricultura, crescimento econômico, segurança alimentar e meios de subsistência rurais. A migração também pode ser parte de
esforços de adaptação às mudanças climáticas. No entanto, os migrantes que são pobres e pouco qualificados enfrentam os maiores
desafios decorrentes da migração que ocorrem de forma involuntária, insegura e irregular.
Este painel de alto nível foi organizado pela FAO em nome da UN-Water.

Objetivos do evento:
O evento incidirá sobre os vínculos entre o estresse da água e os movimentos migratórios a nível mundial.

  • identificar os fatores relacionados à água que ingluenciam a migração em diferentes regiões do globo;
  • exibir diversas experiências migratórias, incluindo oportunidades e desafios, de diferentes países
  • e melhores práticas para melhorar a segurança da água e os meios de subsistência das comunidades rurais, incluindo os refugiados;
  • elaborar as intervenções necessárias sobre os setores da água para abordar a migração, incluindo a política,
  • investimento, necessidades de dados e parcerias; e
  • discutir formas e meios de cooperação para assegurar um canal seguro e ordenado para os movimentos populacionais.

Participantes:

Países, agências da ONU e a audiência:
Moderador: Sr. Jerome Delli Priscoli, Editor-chefe, Política da Água

Painelistas:

  • Helder Barbalho, Ministro da Integração Nacional, Brasil
  • Suleiman Hussein Adamu, Ministro, Ministério Federal dos Recursos Hídricos, Nigéria
  • Charafat Afilal, Secretário de Estado responsável pela água, Ministério de Equipamentos, Transportes, Logística e Água, Marrocos
  • María García Rodriguez, Secretária de Estado do Meio Ambiente, Ministério da Agricultura e Pescas, Alimentação e Meio Ambiente, Espanha
  • Teresa Ribeiro, Secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e do Desenvolvimento, Portugal
  • Erik Solheim, Diretor Executivo, UN Environment
  • Oyun Sanjaasuren, presidente da Global Water Partnership
  • Prof. Ahmet Saatci, Presidente do Instituto Turco da Água, Turquia
  • Isabel Marquez, Representante da Agência das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) no Brasil
  • Eduardo Mansur, Diretor, Divisão de Terra e Água, FAO

Coordenação: Marlos de Souza (FAO Itália) - marlos.desouza@fao.org.